sexta-feira, 1 de outubro de 2010

BIFF BANG POW - Uma Rapidinha Com Fernando Catatau


(por: Patrícia Froes e Leonardo Bomfim)

Qual foi o primeiro disco que você comprou?

O primeiro disco que eu comprei foi o Paranoid do Black Sabbath. Lembro que eu queria ser rockeiro e fui pela capa. Foi uma ótima escolha pra minha vida.

E o último?

Eu nem compro muitos discos. Pelo que eu me lembre foi um greatest hits do Neil Young.

Qual o seu disco favorito para a balada de sexta-feira à noite?

Qualquer disco de reggae, embora eu não diferencie muito os dias da minha vida e também não escute muita música (só quando eu realmente estou a fim), mas raggae é o som que eu não reclamo nunca.

E o favorito para a manhã de domingo?

Nenhum.

Qual o seu disco favorito do Rei Roberto Carlos?

Eu gosto de muitas coisas do Roberto Carlos, principalmente essa fase de 67 à 82, que é bem ampla. Posso citar músicas como "O Divã", "O Moço Velho", "Cama e Mesa"... Olha que são de discos diferentes. Prefiro fazer um "the best..." dele.

Qual a melhor trilha sonora para um engarrafamento em São Paulo?

Ouvir música clássica é legal... E raggae também.

Com quem você gravaria um disco em dupla?

Dupla? Tipo dueto? Steve Vai!

Qual artista você gosta mais não deveria?

Eu gosto de um monte de coisas, e sempre acho que deveria gostar, por mais que as pessoas falem que não. Pra mim a música tem que emocionar. Gosto de músicas do Hendrix, mas gosto de uma do Menudo, também e é sempre assim. Gosto agora, desgosto depois, volto a ter interesse... Só faz sentido se for assim, na real eu vivo brigando com a música, por isso eu não enjôo totalmente. Quando começa a ficar muito ruim, fica bom de novo.

Qual o seu disco top of the tops de todos os tempos?

The Cure, Boys Don't Cry. Por enquanto.

(fevereiro/março de 2006)

Nenhum comentário:

Postar um comentário